segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Nutrição e saúde: Coco Seco

Durante muito tempo, a fama de calórico ofuscou os benefícios desse alimento para a saúde. A lista inclui redução do colesterol ruim, proteção contra- micro-organismos (micróbios) e emagrecimento!

Queima gorduras  (verdadeiro)

  • Ácido láurico e monolauril são duas substâncias presentes no coco seco que estimulam a oxidação dos ácidos graxos. Outro benefício da dupla é sua digestão express: elas são rapidamente transformadas em energia para o corpo e não correm o risco de serem estocadas no organismo como pneuzinhos.
  • Reduz o colesterol  ( verdadeiro)
As gorduras presentes no coco são consideradas saudáveis, pois aumentam os níveis de colesterol bom (HDL). O resultado é a proteção contra doenças cardiovasculares acidente vascular cerebral (AVC). Outro nutriente que ajuda a baixar o colesterol são as fibras encontradas na polpa. Elas "sequestram" as moléculas de gordura e despacham as vilãs pelas fezes, evitando que caiam na corrente sanguínea e acabam entupindo algum vaso.


Regula a tireoide  (verdadeiro)

  • As estrelas, aqui, também são os ácidos láurico e monolauril. Eles regulam o funcionamento da glândula e previnem crises de ansiedade, nervosismo e aumento de peso. As duas substâncias ainda possuem uma invejável ação anti-inflamatória, colaborando com o equilíbrio orgânico.
Hidrata o organismo  (verdadeiro)


  • Não é à toa que a água de coco é chamada carinhosamente de isotônico natural. Ela é indicada para a recomposição do organismo após um quadro de diarreia, por exemplo. A bebida também possui sódio e potássio em grandes quantidades, ajudando no equilíbrio hídrico. Ela ainda combate o inchaço causado por retenção líquida. Deve ser consumida após a prática de atividades físicas para hidratar e repor a água do corpo.
Pode ser consumida à vontade?   (falso)

  • Apesar de ser rico em gordura insaturada, também conhecida como gordura boa, uma única unidade de coco seco contém até 600 calorias. Quando consumida em excesso, seus efeitos são contrários: elas estimulam o ganho de peso e o acúmulo de gordura abdominal. A dica é cortar o coco em 8 partes e incorporar uma no cardápio diário. Ele pode ser batido com sucos, consumido com cereais ou mesmo iogurte light.
Estimula a proliferação de fungos?  (falso)


  • O ácido láurico, que também se faz presente no leite materno, e é fundamental para blindar o corpo contra ataques de micro-organismos. Por esse motivo, consumir o coco verde contribui para expulsar as bactérias e fungos.

Texto extraído da Revista Viva Saúde.


Nenhum comentário:

Postar um comentário